Taxa hash de mineração do Bitcoin (BTC) bate recorde

Taxa hash Bitcoin (BTC) quebra recorde

O crescimento contínuo da taxa hash do Bitcoin (BTC) alcançou recordes incríveis no início de agosto de 2018. Essa taxa corresponde a mineração da criptomoeda, bem como o tempo para executar essas transações. Isso demonstra que, pelo menos, a mineração parece estar crescendo, o que pode influenciar na valorização da criptomoeda.3

O Bitcoin (BTC) é a criptomoeda que a maioria dos investidores querem adquirir. Embora o ativo possua algumas controvérsias em relação a sua criação, uma coisa é inquestionável: o poder da criptomoeda no mercado. Líder em volume de negociações e com o ativo mais caro negociado no mercado, o Bitcoin (BTC) é, até hoje, a criptomoeda de maior sucesso até então.

Desde Janeiro de 2018 a taxa hash do Bitcoin (BTC) vem aumentando

O aumento da taxa hash mostra que existe um crescimento no interesse em minerar Bitcoins (BTC). Esse crescimento poderá impulsionar a criptomoeda, que passou por diversas instabilidades no preço desde o final de 2017. Como resultado disso, as recompensas por mineração também diminuíram drasticamente.

Mas nem mesmo a diminuição no valor das recompensas fez com que o mercado de mineração da criptomoeda “esfriasse”. Desde Janeiro de 2018 a taxa hash do Bitcoin (BTC) só cresce, o que demonstra um interesse cada vez maior em mineração do ativo.

taxa hash de bitcoin
Fonte: https://www.blockchain.com/charts/hash-rate

Um recorde quebrado pela mineração de Bitcoins (BTC)

O resultado do crescimento contínuo da taxa hash fez com que o Bitcoin (BTC) quebrasse um recorde recentemente. Nesta sexta-feira (4 de Agosto de 2018), a criptomoeda atingiu 52 trilhões de hashes por segundo, um número nunca visto antes. O recorde anterior foi atingido em junho, quando 40 trilhões de hashes foram executados por segundo.

As taxas atuais representam um crescimento significativo no campo da mineração da criptomoeda. Segundo revelam os dados da taxa hash, desde janeiro de 2018 a taxa praticamente triplicou, enquanto que nos últimos três meses a taxa hash do Bitcoin (BTC) representou cerca de 60% de crescimento. Isso demonstra que, pelo menos a indústria de mineração continua crescendo a larga escala. Porém, quanto maior a oferta de mineradores, menor vão ser as recompensas em um mercado mais disputado.