Subvalorizado: especialista diz que Bitcoin chegará até a US$ 14.800

Bitcoin está subvalorizado no mercado

Tom Lee afirma que (BTC) vai voltar a subir no mercado

O preço do Bitcoin (BTC) poderá viver um momento de supervalorização em breve. Essa é a aposta de Tom Lee, um especialista do mundo cripto. Segundo Lee, o preço do Bitcoin (BTC) deverá variar entre US$ 13.800 e US$ 14.800. Essa seria a faixa do token de supervalorização, em um momento bem diferente do atual vivido pela criptomoeda no mercado.

Uma supervalorização do Bitcoin (BTC) pode acontecer a qualquer momento. Por mais que fatores externos possam promover essa guinada de aumento de preço, é quase imprevisível saber quando isso acontecerá.

Com o preço no chão atualmente, o Bitcoin (BTC) luta para não cair abaixo de US$ 3 mil. Segundo previsão de Tom Lee, o ativo deverá se valorizar em mais US$ 10 mil, levando em consideração o preço atual da criptomoeda.

Tom Lee espera que Bitcoin (BTC) valha entre US$ 13.800 e US$ 14.800

O mercado do Bitcoin (BTC) ainda é controlado por ursos. São investidores com grandes quantidades da criptomoeda que evitam até que um fluxo natural do ativo aconteça. Além disso, o preço de um ativo pode cair rapidamente, caso ursos decidam vender seus imensos lotes da criptomoeda. Em uma supervalorização do Bitcoin (BTC), até mesmo os ursos podem interferir no mercado do token.

Atualmente o Bitcoin (BTC) vive um dos momentos de menor influência externa em seu preço. Isso porque o mercado encontra-se em crise e o preço do ativo em completa desvalorização. Mas para Tom Lee, esse comportamento poderia mudar em breve. Com essa mudança, o preço da criptomoeda poderia viver momentos de efusiva valorização.

O especialista declarou que o valor atual praticado no mercado pelo Bitcoin (BTC) não parece ser justo. Levando em consideração o número de usuários que possuem a criptomoeda armazenada e as milhares de transações diárias, Lee chegou a conclusão de que o ativo poderá valer mais no mercado.

O Bitcoin (BTC) é subvalorizado segundo Tom Lee. Isso significa que a criptomoeda não vale atualmente o seu valor real de mercado. Sendo assim, o ativo poderia se valorizar e alcançar o preço previsto pelo especialista. Por outro lado, o especialista não declarou quando essa supervalorização poderia acontecer.

Confira o preço do Bitcoin (BTC) nesta sexta-feira (14)

O preço do Bitcoin (BTC) voltou a cair e se aproxima de US$ 3 mil. Com a queda do ativo no mercado, o volume de capitalização caiu para menos de US$ 60 bilhões. A crise poderá fazer o preço da criptomoeda cair ainda mais, já que existem poucos sinais de uma breve recuperação a curto prazo.

Nesta sexta-feira (14) o preço do Bitcoin (BTC) está sendo cotado em US$ 3.294,40. Segundo dados do CoinMarketCap, esse valor representa uma queda de 4,13% para o token. Confira o preço do Bitcoin (BTC) no gráfico abaixo em tempo real.