Maior corretora de criptomoedas brasileira demite 20 funcionários

Mercado Bitcoin demitiu 20 funcionários

Cerca de 20 funcionários foram demitidos pelo Mercado Bitcoin recentemente. A demissão em massa fez a exchange virar notícia recentemente. Segundo o Portal do Bitcoin, as demissões aconteceram no início da semana, entre os dias (15) e (16). Desse modo, vários funcionários e colaboradores terceirizados deixaram de fazer parte da equipe do Mercado Bitcoin.

Alguns investidores apontavam para uma crise na corretora de criptomoedas. Porém, parece que os demitidos são funcionários recentemente contratados pela empresa. Desse modo, o Mercado Bitcoin passou apenas por uma reestruturação após criar cargos em excesso na empresa.

Funcionários demitidos foram contratados pelo Mercado Bitcoin há dois meses

Com o mercado de criptomoedas brasileiro cada vez mais disputado, algumas especulações apontavam que o Mercado Bitcoin estivesse sofrendo uma crise interna. A exchange é a maior no Brasil e é responsável por cerca de 30% do comércio de criptomoedas no país. Sendo assim, o Mercado Bitcoin possui uma força expressiva em geral no mercado brasileiro de ativos digitais.

Segundo o CCN, o Mercado Bitcoin movimenta milhares de unidades do Bitcoin (BTC) mensalmente. Em setembro de 2018 o Mercado Bitcoin comercializou 4.150 (BTC) e em outubro esse número já ronda 2.000 unidades de Bitcoin (BTC). Entre os demitidos pelo Mercado Bitcoin, todos foram contratados há dois meses. Além disso, contratados de outras empresas nos últimos seis meses também foram demitidos.

Exchange começa a enfrentar concorrência de peso no mercado de criptomoedas

Os novos funcionários faziam parte da equipe de marketing e recursos humanos. Alguns depoimentos relatam que não havia trabalhado para esses novos funcionários na empresa. Desse modo, isso justificaria a posição do Mercado Bitcoin em relação a demissão em massa.

A empresa também relatou que não passa por uma crise, ao justificar as demissões. Por outro lado, o clima na empresa foi de desespero e choro, segundo relato de funcionários que presenciaram as demissões. Com a chegada de concorrentes de peso, como a Huobi, o Mercado Bitcoin pode enfrentar uma forte concorrência nos próximos meses. Além disso, a XP investimentos está lançando sua própria criptomoeda de olho no mercado liderado pelo Mercado Bitcoin.