Já possível comprar Bitcoin com cartão de crédito no Brasil

BTCBolsa aceita cartão de crédito

Apenas uma exchange no país aceita cartão de crédito

Os brasileiros já podem comprar criptomoedas e pagar com o cartão de crédito. Essa novidade está presente em apenas uma das corretoras no país, a BTCBolsa. Com essa modalidade de pagamento, investidores podem utilizar seus cartões para aplicar fundos em ativos digitais.

O mercado brasileiro de criptomoedas conta com várias exchanges nacionais. São através dessas empresas que a maioria das transações envolvendo criptomoedas acontecem no país. Com cerca de 10 unidades de Bitcoin (BTC) sendo negociadas diariamente, a BTCBolsa pode ser considerada uma das corretoras mais utilizadas no Brasil.

Exchange é a única no Brasil a aceitar cartão de crédito como pagamento

Com formas populares de investimento em criptomoedas a tendência do mercado é crescer. No Brasil, por exemplo, mesmo com o mercado em crise os números são positivos.

Cada vez mais investidores e parcerias acontecem envolvendo criptomoedas no país. Até mesmo lojas da Calvin Klein, por exemplo, já aceitam ativos digitais como forma de pagamento em São Paulo – SP. Com essa adoção, o mercado de tokens cresce no país, permitindo uma maior popularização de criptomoedas como o Bitcoin (BTC).

Comprar criptomoedas com o cartão de crédito é mais uma possibilidade para aqueles que desejam investir em ativos digitais. Além dessa modalidade, a BTCBolsa aceita depósitos em reais através e ou transferências bancárias. Para aqueles que possuem dificuldades com essas opções de investimento, o boleto bancário também é uma opção para os investidores que desejam operar na BTCBolsa.

De acordo com a corretora de criptomoedas brasileira, uma taxa é cobrada para operações com o cartão de crédito. Dessa forma, a empresa deverá taxas essas transações em 3,99%. Além dessa índice, uma taxa fixa de R$ 2 é cobrada por cada operação na exchange brasileira com cartão de crédito.

Transações são concluídas em até cinco minutos na BTCBolsa

A BTCBolsa foi criada em 2017 por Lucas Pacheco. A exchange opera o Bitcoin (BTC) e outras criptomoedas, como o Litecoin (LTC) e o Ethereum (ETH). Tudo indica que em breve os usuários poderão negociar o Bitcoin Cash (BCH). A criptomoeda, hard fork do Bitcoin (BTC), encontra-se listada no site da exchange. Na aba do (BCH) a empresa informa que a criptomoeda deverá estar disponível em breve.

Segundo a BTCBolsa, depósitos podem ser liberados em até cinco minutos pela exchange. Com essa rapidez, a corretora consegue ser mais ágil que outras concorrentes que dominam o mercado atualmente. Além disso, a BTCBolsa envia relatórios mensais sobre criptomoedas gratuitamente para seus usuários.