DFS de Nova York autoriza serviço Blockchain do Signature Bank

nova york dfs blockchain
A Autoridade de Serviços Financeiros de Nova York (DFS) autoriza Serviço Blockchain

A Autoridade de Serviços Financeiros de Nova York permitiu que o Signature Bank aprimore seu serviço por meio do uso da tecnologia blockchain. Assim, o Departamento de Serviços Financeiros de Nova York (DFS) demonstrou mais uma vez sua atitude aberta em relação às criptomoedas e à tecnologia blockchain.

O mercado de cripotmoedas está sofrendo de uma forte pressão de venda, e os preços das principais criptomoedas estão caindo. No entanto, a tecnologia blockchain está avançando. Isso pode ser observado sobretudo em Nova York.

Nova York: Cidade Blockchain

A cidade que nunca dorme já tomou uma série de decisões regulatórias pensando em um futuro descentralizada. Dessa forma, foi anunciado pela Comissão de Serviços Financeiros (DFS) de Nova York em um comunicado de imprensa no dia 4 de dezembro que:

“O Departamento de Serviços Financeiros (DFS) autorizou o New York State Chartered Signature Bank a oferecer uma nova plataforma de pagamento digital, chamada Signet. A plataforma Signet usa a tecnologia blockchain. A plataforma permite que os clientes de negócios do Signature Bank possam possam transferir “Signets”. Assim, podem pagar sem taxas de transação, a qualquer hora do dia e do ano “

Esse passo requer o cumprimento das normas de Nova York para a proteção contra lavagem de dinheiro (AML), conheça seu cliente (KYC), proteção do consumidor e as diretrizes para empresas de criptomoedas, publicadas em Fevereiro de 2018.

De acordo com Maria T. Vullo, chefe das autoridades públicas:

“Nova York continua apoiando e incentivando a inovação por meio de uma regulamentação governamental sólida. Produtos como a Signet oferecem às empresas formas mais econômicas de fazer pagamentos de forma eficiente”

Joseph J. DePaolo, CEO da Signature, respondeu:

“É óbvio que a senhora Vullo e o Departamento de Serviços Financeiros de nova york analisaram o mundo da FinTech para entender como vai afetar o futuro dos serviços financeiros.”

O futuro é Blockchain

Não foi até o início de novembro que a DFS demonstrou sua atitude positive acerca do setor de criptomoedas. Desse modo, atribuiu pela primeira vez um licença para uma empresa que opera caixas eletrônicos de Bitcoin.

A Autoridade de Serviços Financeiros não é a única instituição nova-iorquina aberta à tecnologia blockchain. Em maio, a NYCEDC, uma organização sem fins lucrativos para o desenvolvimento urbano, anunciou planos para tornar Nova York um centro de blockchain. Assim, com cada decisão progressiva do governo, a cidade está um passo mais perto de alcançar esse objetivo.