Crimes envolvendo criptomoedas vão ser investigados no Brasil

Moro vai investigar criptomoedas

A lavagem de dinheiro e corrupção envolvendo criptomoedas deverá ser pauta do esquema anticorrupção que será chefiado por Sérgio Moro. O juiz, que foi cotado para ser Ministro da Justiça de Jair Bolsonaro (PSL) poderá investigar o uso de criptomoedas por criminosos no Brasil. Dessa forma, tudo indica que políticos e empresários possam ter utilizado ativos digitais para cometerem crimes.

Essa não é a primeira vez que criptomoedas se tornam alvo de investigações. Vários casos em diversos países mostraram que crimes envolvendo ativos digitais aconteceram. Porém, a maioria das criptomoedas pode ser rastreável. Além disso, grande parte das empresas colaboram com investigações que podem levar a descoberta de crimes envolvendo criptomoedas.

Comissão deverá criar diretrizes para investigar crimes envolvendo ativos digitais

A proposta de criar metas para o combate a corrupção com criptomoedas será discutida em breve. Sendo assim, a Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro (Enccla) espera criar uma diretriz de investigação para esse tipo de crime. Isso poderá acontecer no próximo encontro da comissão, previsto para acontecer em breve.

A (Enccla) poderá apresentar medidas de combate a corrupção envolvendo criptomoedas durante seu encontro nacional. O encontro acontecerá em Foz do Iguaçu, no Paraná, nos dias 19 a 23 de novembro. Sendo assim, a justiça brasileira poderá ter uma orientação aprovada após o encontro da comissão que investiga crimes de corrupção no Brasil.

Moro poderá levar a frente ideia de investigar criptomoedas

O Ministério Público possui ligações com a (Enccla). Sendo assim, as diretrizes apresentadas pelo órgão poderão ser sumariamente adotadas pela justiça brasileira. Desse modo, investigações sobre crimes envolvendo criptomoedas poderão entrar em curso já em 2019.

Com o juiz que declarou ser político no Fantástico recentemente a frente do Ministério da Justiça, essas diretrizes poderão entrar em vigor daqui a alguns meses. Do que depender das declarações de Moro, a investigação contra crimes envolvendo políticos continuará com ele enquanto ministro. Sendo assim, espera-se que investigações relacionadas a criptomoedas sejam pautadas em breve, já que alguns crimes envolvendo ativos digitais já foram cometidos no Brasil anteriormente.