Cofundador da Foxbit morre em acidente de carro

Guto morreu no dia do Natal

Comunidade cripto está em luto após morte trágica de Guto Schiavon

A comunidade cripto no Brasil está em luto o qual fundador da Foxbit Guto Schiavon morreu em um acidente de carro aos 24 anos. O acidente aconteceu em São Paulo nesta terça-feira 25.

Guto criou a Foxbit em 2014 e a empresa se tornou uma das maiores exchanges no Brasil. O veículo em que Guto estava foi atingido por outro carro na pista, que dirigia em sentido contrário.

Acidente aconteceu no dia de Natal em São Paulo

O acidente de Guto aconteceu na rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294). Além do cofundador da Foxbit outros dois veículos  se envolveram no acidente. A morte do especialista em criptomoedas foi noticiado através do perfil no Facebook da Foxbit. O acidente aconteceu próximo a saída de Tupã. Segundo informações divulgadas, estava chovendo muito no momento em que o acidente aconteceu.

O veículo que atingiu o Guto inicialmente estava vindo em sentido contrário na pista após essa colisão Inicial um outro veículo se envolveu no acidente. Um caminhão acabou batendo nos dois veículos após se envolver num acidente.

Duas pessoas envolvidas no acidente continuam em estado grave

Outras vítimas do acidente foram socorridos pelo serviço de atendimento móvel de urgência SAMU. Os quatro envolvidos ainda encontram-se hospitalizados no Hospital das Clínicas em Marília, sendo que duas das vítimas estão em estado grave.

Guto é um dos criadores da Foxbit. Ao lado do Mercado Bitcoin, a empresa é uma das maiores de criptomoedas no Brasil. A Foxbit foi criada por Guto e seu sócio em 2014 após o especialista estudar sistemas de informação pela (Univem) Centro Universitário Eurípides de Marília.

Confira na íntegra a nota da Foxbit:

“Comunicamos com profundo pesar o falecimento do fundador e diretor de Operações da Foxbit, Luís Augusto Schiavon Ramos, o Guto, aos 24 anos, na tarde desta terça-feira, 25 de dezembro, vítima de acidente automobilístico na rodovia João Ribeiro de Barros (SP-294), em Marília (SP).

Bacharel em Sistemas de Informação pelo Univem (Centro Universitário Eurípedes de Marília) e técnico em Mecânica de Usinagem pelo SENAI, Guto Schiavon fundou a Foxbit em 2014 ao lado de João Canhada, CEO da empresa, que hoje é maior exchange de Bitcoins da América Latina com mais de 400 mil clientes R$ 5 bilhões transacionados.

A Foxbit está prestando toda solidariedade e apoio aos familiares do Guto.

O sepultamento deve ocorrer neste dia 26 de dezembro entre 17 e 18 horas no Cemitério Municipal de Pompeia, interior de São Paulo.”