O que é o blockchain e o que isso tem a ver com as criptomoedas?

blockchain

A tecnologia blockchain é a base de todas para todas as criptomoedas existirem, Além disso, a descoberta inovadora torna os tokens digitais mais interessantes. Não é por acaso que existe uma cooperação da Ethereum com empresas de alto nível para desenvolver essa tecnologia. A rede Ethereum conta com parceiros como a Microsoft, JP Morgan, BP, Credit Suisse, Intel, Santander, ING-Diba e Accenture, isso somente para citar apenas alguns dos mais de 500 parceiros.

A cooperação econômica não só impulsiona a inovação, como também uma das maiores necessidades das pessoas: o desejo de uma moeda descentralizada que depende unicamente da oferta, demanda e confiança no ativo. Talvez estas reivindicações possam um dia ser atendidas pelo Bitcoin (BTC), por exemplo, se a sua disseminação e aceitação continuarem aumentando. Mas o que torna o blockchain tão especial?

O que é o blockchain

O Blockchain é uma espécie de registro público de uma criptomoeda, que registra todas as transações que foram confirmadas. É possível baixar o blockchain por completo, e salvá-lo em seu próprio disco rígido. Sendo assim, uma vez que é possível guardar os dados localmente, podem ser feitos também ajustes aos dados para depois enviar eles de volta ao blockchain.

No entanto, existem certas regras que devem ser seguidas. Se um usuário tenta aumentar seu próprio número de Bitcoins (BTC), essa mudança não vai ser aceita pelos outros membros da rede, e assim fica invalidada. Abaixo seguem algumas das regras que se aplicam a rede Bitcoin (BTC):

  • Necessidade de assinaturas válidas em transações: ajustes arbitrários no blockchain não são possíveis
  • Apenas transações legítimas: assim que um bloco com uma transação inválida for detetado, ele será ignorado imediatamente. O autor perde a chance de que sua oferta seja aceite e que uma transação ocorra
  • Prova de Trabalho: É determinado exatamente quantos blocos podem ser criados em quanto tempo. Isso previne um crescimento descontrolado e demasiado rápido

Uma tecnologia revolucionária

O blockchain do Bitcoin (BTC) inclui todas as transações processadas que foram efetuadas desde a criação da criptomoeda em 2009. É como um manual de transações que todos podem ver, publicamente. Desse modo, é possível consultar a distribuição exata dos ativos da rede Bitcoin (BTC)incluindo todos os seus participantes.

A história deste registro virtual está ficando cada vez maior, de modo que o volume de dados do blockchain continua crescendo. Ele já contém mais de 100 GB de transações concluídas atualmente.

O blockchain é baseado nos chamados blocos, ou seja, blocos como pelo menos uma transação. Um novo bloco só pode ser adicionado à rede se tiver um nó de rede completo com a função de mineração. Esse é o pré-requisito básico para que novos blocos participem do blockchain e, assim, da rede Bitcoin.