Bitcoin: Quase 17 Milhões de Moedas em circulação

bitcoin chega a 17 milhões

Nos próximos dias, o Bitcoin vai alcançar outro marco importante em sua curta vida.  Satoshi Nakamoto criou os primeiros 50 Bitcoins em 2019, e agora já são 17 milhões de Bitcoins em circulação. Com isso, a moeda digital já tem 80% de todas suas moedas em circulação.

O protocolo Bitcoin limita a quantidade de bitcoins para um total de 21 milhões de unidaes. Satoshi Nakamoto, o fundador desconhecido do Bitcoin, criou uma escassez deliberadamente, que assim difere do sistema monetário tradicional.

Ao contrário das moedas emitidas pelos bancos centrais, a quantidade de Bitcoins é finita e não pode ser emitida continuamente. Consequentemente, e ao contrário das moedas Fiat, não existe uma criação infinita de dinheiro para criar efeitos de inflação, ou similares.

Ao exemplo do ouro

A rede Bitcoin tem suas origens na forma como o ouro é extraído. Semelhante ao ouro, tem que investir trabalho e dinheiro para minerar BTC. A rede da Bitcoin é sustentada pelo trabalho dos mineiros responsáveis por validar e gravar as transações no blockchain, e pago em troca com Bitcoin.

No entanto, existe uma grande variabilidade neste processo. Basicamente, o protocolo Bitcoin fornece um tempo de bloco de 10 minutos, e a recompensa atual para cada bloco é de 12,5 bitcoins. Isso significa que a cada 10 minutos, um novo bloco de Bitcoin é criado, com um número variável de transações, que é em seguida gravado no blockchain. Assim são criadas 1.800 novos BTC por dia.

inflação do bitcoin

https://blockchain.info/de/charts/total-bitcoins

O problema é que o tempo de cada bloco de Bitcoin pode flutuar. Se você observar os tempos de bloqueio dos últimos 3 meses, vai perceber que há flutuações significativas. Devido a isso, não é possível prever com precisão quando o Bitcoin número 17 milhões será criado.

tempo de bloco

https://bitinfocharts.com/comparison/bitcoin-confirmationtime.html#3m

Bitcoin Halvening

A recompensa em Bitcoin para os mineiros mudou ao longo do tempo. No dia 3 de janeiro de 2009 Satoshi Nakamoto liberou o primeiro bloco de Bitcoin, com uma a recompensa de bloco de 50 bitcoins. Essa recompensa permaneceu a mesma para os primeiros 209.999 blocos, até que a primeira redução da recompensa ocorrreu no bloco 210.000.

A cada 210.000 blocos, a recompensa do bloco é reduzida em 50%. A primeira metade de 50 para 25 BTC aconteceu em novembro de 2012. A última e atual redução para 12,5 Bitcoins ocorreu em julho de 2016. A próxima redução está prevista para 29 de maio de 2020, aproximadamente quando existem 1.375.400 blocos.

Imaginando que o protocolo Bitcoin permaneça igual, devido ao Reward Halvening o último Bitcoin será minado apenas em maio de 2140. No entanto, o ano 2140 não significa o fim do Bitcoin. Quando todos os 21 milhões de Bitcoins foram criados, os mineiros são pagos apenas através das taxas. A validação e gravação das transações na blockchain são feitas como antes.

Como em todos os ativos, o preço do Bitcoin é determinado pela oferta e demanda. Como a demanda por Bitcoin aumenta com a pouca disponibilidade de novos bitcoins disponíveis no mercado, isso cria uma escassez de oferta que, em teoria, levará a um aumento de preço para o Bitcoin.

A este respeito, os 17 milhões Bitcoin não são apenas um número, mas também um sinal do sucesso do Bitcoin.